Menopausa de Angelina Jolie

Recentemente a atriz Angelina Jolie, de 40 anos, afirmou ao jornal “The Daily Telegraph” que com a vinda da menopausa, está se sentindo mais feliz e realizada. E para não deixar dúvida disse que mais velha se sente mais tranquila, amadurecida e feliz. “Não quero ser jovem outra vez”, afirmou a atriz.
Esta não é a primeira vez que Angelina provoca polêmica, em 2013 ela se submeteu à cirurgia de mastectomia bilateral depois que descobriu ser portadora de alto risco genético para câncer de mama e ovário.

No nosso país o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revela que mais de 13,5 milhões de mulheres entram na menopausa por ano. O assunto é uma das dúvidas mais frequentes nos consultórios médicos. Fato é que as mudanças são facilmente adaptáveis desde que certos cuidados sejam tomados para evitar doenças ou complicações.

Além dos famosos calorões, a menopausa tem uma característica que pouca gente sabe e que deve ser lembrada, a mulher corre mais risco de desenvolver doenças cardiovasculares durante este período. Quando a mulher entra na menopausa ela perde a proteção cardiovascular oferecida pelo estrogênio. Esse hormônio age nas paredes das artérias promovendo a sua dilatação e também aumenta o colesterol bom, o HDL. Aliado a isso, outras doenças como a hipertensão, o diabetes, o tabagismo e altos índices de colesterol e triglicérides também contribuem para o aumento do risco nessa fase.

Para prevenir este quadro, deve se considerar a terapia hormonal, junto com práticas saudáveis de vida tais como adotar uma alimentação mais saudável, com dieta pobre em gorduras de origem animal que elevam o colesterol ruim (que se acumula nas artérias), e rica em gorduras poli saturadas, como as presentes nas castanhas, no azeite, na linhaça e nos peixes de águas frias, que aumentam o colesterol bom.Tudo pode ser controlado evitando manifestações danosas da súbita variaç

ão do hormônios no corpo da mulher. E finalmente, uma atitude otimista e positiva como da atriz Angelina Jolie vai ajudar a enfrentar melhor este momento que é uma certeza na vida de todas as mulheres.

Maria Leticia Fagundes



  By - Maria Letícia Fagundes      29/05/2017
 VOLTAR